Artigos

Publicado em 28 de Março de 2016 às 04h:00

Os 80 anos de Eder Jofre e a importância de reconhecer seus ídolos

Foto do autor

Autor Luigi F.


Valdemir "Sertão" Pereira, Eder Jofre, Servílio de Oliveira, Pepe Altstut, Miguel de Oliveira e Yamaguchi Falcão. Imagem: Round13

Sábado à noite, na cidade de Santos, no litoral de São Paulo, fomos convidados para uma bela homenagem ao maior boxeador brasileiro de todos os tempos, Eder Jofre. O eterno “Galo de Ouro” comemorou seus 80 anos de idade em uma festa surpresa organizada pelo empresário Pepe Altstut, presidente da Memorial Necrópole Ecumênica, e sua equipe.

Além da família de Eder e de pessoas próximas à convivência do maior peso galo da história do boxe mundial, o evento contou com a presença de mais dois campeões mundiais. Miguel de Oliveira, campeão mundial pelos médio-ligeiros do CMB em 1975, e Valdemir “Sertão” Pereira, campeão mundial dos penas pela FIB em 2006, estiveram no Mendes Plaza Hotel para participarem da comemoração. Já o quarto campeão mundial nacional, Acelino “Popó” Freitas, não pode estar presente por questões contratuais, uma vez que irá participar em breve de um reality show.

Servílio de Oliveira, primeiro brasileiro medalhista olímpico da história de nosso país, que conquistou a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos da Cidade do México em 1968, e Yamaguchi Falcão, medalhista de bronze nos Jogos de Londres, em 2012, também marcaram presença. Além deles, o pesado Raphael Zumbano, primo de Eder, e o boxeador santista Felipe Moledas foram outros nomes da nobre arte nacional que estiveram lá para homenagear Eder Jofre.

A homenagem realizada a Eder é um exemplo a ser seguido. Nossos ídolos devem sempre ser lembrados para que seus feitos não sejam esquecidos, e iniciativas como a deste sábado, de fazer uma comemoração especial para um dos grandes nomes do boxe mundial, deveriam ser recorrentes.

Jofre é presença constante na lista dos grandes boxeadores de sua era, um pugilista recorrentemente citado entre os principais pesos-galo da história nas listas dos maiores especialistas do boxe mundial, e um lutador que goza de extremo respeito e reconhecimento da grande mídia internacional. Exceção feita a alguns órgãos e jornalistas da imprensa brasileira, que durante este mês relembraram e deixaram a sua homenagem a Eder, é triste ver que algumas notícias de menor relevância, principalmente no universo esportivo, acabaram dominando as manchetes neste último final de semana, que deveria ter sido massivamente dedicado ao nosso ídolo.


Eder é homenageado em seu aniversário. Imagem: Raphael Zumbano/ Round13

Homenagear nossos exemplos deveria ser uma rotina, principalmente enquanto os mesmos ainda estão vivos e podem vivenciar esses presentes. Infelizmente, o boxe brasileiro muitas vezes é ligado a notícias negativas, e é justamente por isso que não podemos deixar que os bons exemplos, as conquistas e os momentos de sucesso sejam apagados pelo tempo. E, com certeza, nós do Round13 faremos sempre o máximo possível para que a memória dos grandes feitos na história do nosso boxe esteja sempre viva, relembrando datas especiais e fazendo homenagens que, por mais singelas que sejam, mostrem nosso apreço à quem tanto briga para colocar o nome de nosso país da melhor maneira possível mundo afora.

Ao nosso ídolo-mor, Eder Jofre, mais uma vez gostaríamos de desejar parabéns. Que seus 80 anos de vida e conquistas jamais sejam esquecidos e que sua história de superação e sucesso continue servindo de exemplo para todos os amantes da nossa nobre arte. Ao empresário Pepe Alstut e à equipe da Memorial, nossos mais sinceros elogios pela festa e pela iniciativa de tentar reunir os quatro campeões mundiais num mesmo evento, algo que seria inédito. E, aos fãs de boxe e aficionados pelo pugilismo, que jamais se esqueçam de seus verdadeiros ídolos; o tempo e a vida passam, mas são os pequenos gestos e as nossas atitudes que irão manter vivos para sempre, aqueles que merecem, na história.

Para relembrar a série de artigos feitas pelo Round13 relembrando a vida de Eder Jofre, clique aqui.

Comentários