Pós-Luta

Publicado em 17 de Julho de 2016 às 00h:05

Wilder vence Arreola e se consolida para próximas disputas

Foto do autor

Autor Daniel Leal


Imagem: Stephanie Trapp/SHOWTIME

O atual monarca dos pesos-pesados pelo Conselho Mundial de Boxe, Deontay “The Bronze Bomber” Wilder (37-0, 36 ko's) cumpriu com as expectativas ao nocautear Chris “The Nightmare” Arreola (36-5-1, 31 ko's) na Legacy Arena, em Birmingham, Alabama, e defender sua coroa. Esta foi a quarta vez em que colocou em jogo sua cinta e manteve-a com sucesso. Já Arreola falhou pela terceira oportunidade em conquistar o cetro mais cobiçado do boxe mundial.

Em um primeiro round de muita cautela, Wilder manteve o centro do ringue e controlava no jab enquanto eu desafiante apenas circulava e se defendia. Arreola tentou mudar as coisas no intervalo seguinte, mas acabou sendo punido por se expor, tomando alguns bons golpes. O contendor letino conseguiu se sair melhor em seu intento na terceira passagem, quando atingiu o campeão com certa contundência, porém continuou sofrendo no contra-ataque.

No quanrto assalto, Wilder começou á sobressair. Primeiro, ele fez micagens desdenhando dos bodypunches de Arreola e saindo com uppercuts precisos. Depois, encaixou sequência forte que levou seu oponente á ajoelhar na lona. Chris levantou-se e teve que sobreviver aos ultimos segundos mesmo claramente sem pernas para isso. Parecia que acabaria na rodada subsequente, mas tudo voltou ao “normal”, com Deontay aguardando e encaixando seus socos em todas aberturas que o atleta do corner oposto deixava.

Cansado de apenas apanhar, o valente contendor conseguiu ser mais contundente do que o campeão durante um sexto giro em que Wilder aparentava os primeiros sinais de cansaço. Mais á vontade, “The Bronze Bomber” reconstrói seu domínio no sétimo e acerta belo upper nos segundo finais que faz Arreola sentir e se segurar para não cair novamente. O domínio do rei dos pesados pelo CMB mantém-se no oitavo round, da mesma maneira que nos anteriores.

Consciente de que não tinha mais chances e estava sendo castigado, Arreola toma sensata decisão de não seguir no combate no intervalo para o nono assalto. Vitória para Deontay Wilder, que mesmo com lesão no braço direito vence com autoridade e defende seu boldrié. Após as ações, ele declarou á Fox Sports dos EUA que deseja a unificação com os demais campeões da categoria máxima. Resta aguardar se sai do papel ou é da boca para fora.

Quem ficou feliz com esta vitória foi o brasileiro Raphael Zumbano. Ele participou dos treinamentos do campeão, sendo seu parceiro de sparring. “Saiu tudo como o previsto”, disse Zumbano para o Round13. Ele comemorou o fato de participar do training camp de uma vitória sobre Arreola pela terceira vez e também confirmou importante informação para nós de que a próxima luta de Deontay esta programada para Setembro, na qual ele também deve fazer parte da preparação.

Infelizmente, a programação desta noite não teve a atenção merecida da TV brasileira, sendo transmitida “como um favor”, através do aplicativo FOX PLAY. Será, fã do boxe, que vale a pena mesmo assinar os canais pagos no Brasil para ver o boxe? Questionem-se...

Comentários