Pré-Luta

Publicado em 25 de Março de 2016 às 10h:00

Andre Ward e Kell Brook protagonizam o boxe nesse final de semana

Foto do autor

Autor Daniel Leal


Norte-americano enfrenta o cubano Sullivan Barrera, na Califórnia, enquanto o britânico encara Kevin Bizier na Inglaterra. (Imagem: Divulgação)

(Atualizado em: 26/03/16, às 2h21)

Duas lutas, cada uma em um continente, agitarão o pugilismo mundial neste sábado. De um lado do Atlântico, o campeão dos meio-médios pela FIB, Kell Brook (35-0, 24 ko's) fará a segunda defesa mandatória de cinturão desde que o conquistou em Agosto de 2014. Seu adversário será o canadense Kevin Bizier (25-2, 17 ko's), que alçou ao posto de número #1 do ranking após vencer Fredrick Lawson, em Novembro.

Brook vem tentando firmar seu nome na mente e no coração dos fãs ingleses, mas tem encontrado dificuldades em conseguir boas lutas, apesar de estar em uma categoria muito concorrida. Após ver uma alardeada peleja contra Amir Khan ir pelo ralo, Kell adentrará o ringue da Sheffield Arena após 10 meses de inatividade e ainda assim contra um oponente obrigatório. Esta será a terceira vez que coloca seu boldrié em jogo.

Bizier, pouco conhecido do grande público, lutará por um cetro mundialista pela primeira vez. Seu currículo inclui poucos destaques. Além da vitória sobre Lawson citada anteriormente, suplantou o ex-campeão dos leves, Nate Campbell em 2013 e lutou, mas perdeu, duas vezes para Ionut Dan Ion, penúltimo adversário do próprio Brook.

O evento de Sheffield será transmitido ao vivo para o Brasil pelo Esporte Interativo, através do canal EI Maxx, neste sábado, a partir das 18h, com narração de Guilherme Maia e comentários de Jeff Bruno.

Do outro lado do oceano, Andre Ward (28-0, 15 ko's) subirá, definitivamente, aos meio-pesados para encarar o também invicto Sullivan Barrea (17-0, 12 ko's), na Oracle Arena, em Oakland, Califórnia. Mesmo sem um título em jogo o confronto vale muito, para ambos. Enquanto Ward busca manter-se como um dos mais técnicos boxeadores e mais bem cotados no mundo libra-por-libra, Barrera, aos 34 anos (dois a mais que seu adversário), corre contra o tempo para provar o que pode fazer dentro do quadrilátero de cordas.

O cubano radicado em Miami estreou no boxe em 2009. Desde então suas melhores vitórias ocorreram em seus três últimos combates, com destaque para os nocautes que aplicou em Jeff Lacy e Karo Murat. Tido como um bom contendor e perigoso boxer, não pode ser desconsiderado, mesmo diante de um oponente tão brilhante quanto Andre.

Enquanto isso, Ward, último medalhista de ouro olímpico dos EUA, busca apenas confirmar que continua pertencendo ao topo do mundo após um período muito irregular de atuação. Nos últimos 4 anos lutou apenas três vezes graças a problemas contratuais. Agora, em nova categoria, precisa passar por Barrera para conseguir uma chance contra Sergey Kovalev, contenda que vem sendo ventilada á tempos. Se ocorrerem as coisas desta forma, podemos ver uma das maiores lutas da década ainda no segundo semestre de 2016.

Infelizmente, ainda não há confirmação de nenhuma transmissão de Ward vs Barrera para o Brasil.

Comentários