Pré-Luta

Publicado em 26 de Agosto de 2016 às 18h:49

Guerrero tenta voltar ao topo neste fim de semana

Foto do autor

Autor Daniel Leal

Ex-campeão mundial em duas categorias, além de desafiante em mais duas, encara argentino David Emanuel Peralta visando retomar o rumo de vitórias na carreira. No mesmo evento, Alfredo Angulo tenta emplacar terceira vitória consecutiva. (Imagem: FightNights.com)

Robert Guerrero (33-4-1, 18 ko's) já foi campeão da FIB nos penas e super-penas, além de ter obtido o interinato AMB e OMB nos leves, e do CMB nos meio-médios, porém, ao tentar dar um salto na qualidade dos adversários, o estadunidense acabou não obtendo êxito. São três derrotas em cinco contendas, para Floyd Mayweather Jr, Keith Thurman, e a darradeira diante de Danny Garcia, em Janeiro. Sendo assim, “The Ghost” precisa voltar a vencer se ainda sonha, aos 33 anos, fazer mais uma luta grande em sua carreira.

É por isso que, neste sábado, em Anaheim, Califórnia, receberá o argentino David Emanuel Peralta (25-2-1, 14 ko's), em dez rounds de confronto, no limite dos 66,5 kgs. Apesar de um ano mais velho do que Guerrero, Peralta não tem uma carreira destacada, estando inativo ha um ano e três meses. Desafiou pelo cinturão latino da categoria em questão e pelo Argentino dos super-leves, sendo derrotado nas duas ocasiões. É, portanto, oponente feito sob medida para que o americano retome a confiança e “limpe” seu cartel.

Outro que já esteve no mainstream da nobre arte e tenta recuperar seu status é Alfredo Angulo (24-5, 20 ko's). Tendo sido campeão interino da OMB e um dos mais temidos médio-ligeiros há alguns anos, as três derrotas consecutivas parar Erislandy Lara, Saul “Canelo” Alvarez e James de La Rosa machucaram sua reputação fortemente. Se apresentando agora com peso um pouco á cima dos médios, o nocauteador mexicano tenta emplacar a terceira vitória consecutiva desde Junho do ano passado. Para isso tem que suplantar Freddy Hernandes (33-8, 22 ko's), também do México e que já venceu nomes como Luis Collazo, Mike Anchondo e DeMarcus Corley.

Hernandes vem subindo de categoria desde dos meio-médios, o que pode significar vantagem física para Angulo. Vale lembrar que Andre Berto e Delvin Rodrigues, por exemplo, conseguiram vencer Freddy pela via rápida, enquanto Lara, ex-adversário de Alfredo, e Demetrius Andrade, ex-campeão da Organização Mundial de Boxe até 69,8 kg, ficaram apenas nos pontos.

O evento, que como pode-se notar é interessante, contará com mais oito combates preliminares, sendo o mais notável entre os médios Terrell Gausha (18-0, 9 ko's), lutador olímpico dos EUA em Londres-2012 e Steven Martinez (16-2, 13 ko's), mas não teve transmissão confirmada para o Brasil, até o momento.

Comentários